<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d10198500\x26blogName\x3d.\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLACK\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://carecaonline.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3dpt_PT\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://carecaonline.blogspot.com/\x26vt\x3d2256275847982020809', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

    .







se temos de trabalhar
ao menos que seja com estilo

Achmed the Dead Terrorist

segunda-feira, outubro 15, 2007 11:52 da manhã

Super Atleta

quinta-feira, junho 28, 2007 12:11 da manhã

Um verdadeiro artista

12:11 da manhã

Noddy

terça-feira, junho 26, 2007 7:49 da tarde

Não há limites para a estupidez humana

terça-feira, junho 12, 2007 1:33 da tarde

Kathy Evans, residente em Idaho, trouxe a humilhação para os seus amigos e família quando inaugurou uma nova escala de estupidez com a sua aparição no popular show de TV "Quem quer ser milionário".

Evans, uma esposa e mãe de 2 filhos de 32 anos, ficou presa logo na 1ª pergunta. Os fãs do programa dizem que ela conseguiu fazer o pior uso de sempre das suas ajudas. Depois de ser apresentada à apresentadora do concurso Meredith Vieira, Evans assegurou que estava pronta para jogar, e foi-lhe feita uma pergunta extremamente simples de 100$. A pergunta era:

Qual é o maior dos seguintes elementos?
A) Um amendoim
B) Um elefante
C) A Lua
D) Hey, a quem é que estás a chamar grande?

Imediatamente a Sra. Evans foi tomada pelo pânico assim que percebeu que esta era uma questão à qual efectivamente não sabia responder.
" Hum, eh pá... esta é difícil" disse Evans, enquanto Vieira fazia o seu melhor para esconder a sua incredulidade.
" Quer dizer, tenho a certeza que já ouvi falar de algumas destas coisas antes, mas não tenho ideia dos seus tamanhos".

Evans decidiu usar a 1ª das suas ajudas, o 50/50. As respostas A e D foram retiradas, deixando por decidir qual seria maior, um elefante, ou a lua. Contudo, Evans continuava com poucas certezas. " Oh retirou as duas para as quais me inclinava!" exclamou Evans.
" Que chatice, acho que é melhor ligar a uma amiga".

Usando a 2ª das suas ajudas, a senhora Evans pediu para ligarem à sua melhor amiga Betsy, uma empregada de escritório. "Olá Betsy! Tudo bem? É a Kathy! Estou na TV!" disse Evans, desperdiçando os primeiros 7 segundos da chamada.
" Ok tenho uma pergunta importante. Qual dos seguintes elementos é o maior? B Elefante, ou C a Lua? Tens 15 segundos."

A Betsy rapidamente disse que a resposta certa era a C é " Lua. Evans continou a conversar com a amiga nos 10 segundos seguintes.
" Vá lá Betsy tens a certeza?" Disse Evans.
" Quanta certeza tens? Não pode ser essa."
Para o espanto de todos a monga Evans declinou a ajuda da sua amiga.
" Não sei se posso confiar na Betsy. Ela não é assim tão inteligente. Acho que vou pedir a ajuda do público" diz Evans.

O público respondeu 98% a favor da resposta C é" Lua. Tendo usado todas as ajudas, Evans tomou a escolha mais burra da sua vida.
"Uau, parece que toda a gente está contra o que eu estou a pensar" disse a estúpida Evans.
" Mas sabe, às vezes temos que seguir o nosso palpite. Vamos ver! Para a pergunta de qual é maior, o elefante ou a lua, eu escolho a B: é Elefante. É a minha resposta final".
Foi então dito a Evans que estava errada, sentada perante a audiência embasbacada, e que a resposta certa era de facto, C é " A Lua.

Se calhar não temos porque nos espantar.
Afinal este é o país onde Bush foi eleito, e por 2 vezes... ;)

The faster The speed

segunda-feira, junho 11, 2007 8:54 da manhã

O ateu

quinta-feira, maio 24, 2007 1:51 da manhã

Um ateu estava passeando no bosque, admirando tudo o que aquele "acidente  da evolução" tinha criado.
"- Mas que árvores majestosas! Que poderosos rios! Que belos animais!" – lá  ia  ele dizendo.
À medida que caminhava, ao longo do rio, ouviu um ruído nos arbustos atrás de si.
Ele se virou para olhar.
Foi então que viu um urso-pardo corpulento a caminhar na sua direção.
Começou a correr o mais rápido que podia.
Olhou, por cima do ombro, e reparou que o urso estava demasiado próximo. 
Aumentou a velocidade!
Era tanto o seu medo que, lágrimas lhe vieram aos olhos. Foi então que tropeçou e caiu desamparado.
Rolou no chão e rapidamente tentou levantar-se.
Só que o urso já estava sobre si, procurando agredi-lo ferozmente.
Nesse preciso momento, o ateu clamou:
"- Oh meu Deus!".
Então o tempo parou. O urso ficou sem reação. O bosque mergulhou em silêncio. Até o rio parou de correr.
À medida que uma luz clara brilhava, uma voz vinda do céu dizia:
" - Tu negaste a minha existência durante todos estes anos, ensinaste a outros que eu não existia, e reduziste a criação a um acidente cósmico. Esperas  que eu te ajude a sair desse apuro? Devo eu esperar que tenhas fé em mim ?"

O ateu olhou directamente para a luz e disse:
"Seria, de facto, hipócrita da minha parte, pedir que de repente me  passes  a tratar como um cristão!
Mas talvez... possas tornar o urso cristão!?!?"

"Muito bem", disse a voz.

A luz foi embora. O rio voltou a correr. E os sons da floresta voltaram.
E então, o urso recolheu as patas, fez uma pausa, baixou a cabeça e disse:

"Senhor, abençoe este alimento que agora vou comer. Amém".

Os Gatos tambem gaguejam!

quinta-feira, maio 17, 2007 11:55 da tarde

A professora explicava na aula de biologia para o quarto ano de estudantes de ensino básico:

- Os Humanos são OS unicos animais que gaguejam.

Uma miúda levanta a mão e diz:
- Eu tinha um gato que gaguejava.

A professora, sabendo como as histórias se tornam preciosas, incentiva a garota a relatar o incidente.

- Bem, eu estava no quintal de Casa com meu gatinho e o rottweiler que mora na Casa ao lado veio a correr, saltou o muro e, de repente, estava ao pé de nós...

- Então foi muito assustador!, disse a professora.

- Foi sim!!, disse a garota. O meu gatinho começou "Fffff... Fffff... Fffff..." e, antes que conseguisse dizer ''FFFoda-se'', o rottweiler comeu-o!!!

E sempre assim!

sábado, abril 21, 2007 6:31 da tarde

O miúdo vê um casal de cachorros montados um no outro, no meio da rua e pergunta à avó:
- O que eles estão a fazer, avó?

A avó prefere uma explicação provisória:
- É o seguinte, zequinha: como o cachorrinho de trás está com a patinha magoada, o cachorrinho da frente deixou ele se apoiar nas costas para andar.

E zéquinha, indignado:
- É sempre assim. A gente ajuda os outros e ainda é enrabado!

o segredo do Tua

quarta-feira, fevereiro 21, 2007 10:39 da manhã

Uma formiga a passar a linha do comboio entala um pé, depois de um esforço
e a ver o comboio aproximar-se desiste e diz:
- Que se f***, se descarrilar, descarrilou...

este ano....

terça-feira, fevereiro 20, 2007 10:51 da tarde

A propósito do post publicado há um ano, apenas posso dizer que a vida realmente nos reserva muitas surpresas! Este foi um ano cheio de mudanças, de emoções, de uma lufada de ar fresco!
Foi o ano da mudança que eu tanto desejava.

Fiz opções.
Fiz amigos.
Fiz inimigos.
Provei o sabor amargo de estar longe de quem se ama.
Provei o doce sabor de estar perto de quem vive no meu coração. Como se sempre lá estivesse estado.
Foi o ano da mudança que eu tanto desejava.

Afinal, já sei o que a vida me reserva: uma vida intensa que tenho de saber viver!

A todos os que continuam comigo, obrigado!
A todos os que se mudaram para o outro lado, boa sorte!
Foi o ano da mudança que eu tanto desejava.

Mudei.
Mudei a minha vida!
Mudei de vida.
Se me arrependo?
Sim! Profundamente! De não ter sido há mais tempo.

Construo aos poucos o que não construí em 30 anos! E sabe bem!
Sabe bem saber que não é tarde para amar. Não é tarde para se construir algo. Não é tarde para ser feliz e fazer alguém feliz!

Não é tarde para ser amado e se amar.
Foi o ano da mudança que eu tanto desejava.

folias

10:35 da tarde



e um video com todas as fotos:

depois de muito pensar ...

sexta-feira, janeiro 12, 2007 1:51 da tarde

Esta foto é verdadeira! Por aqui não andou o photoshop!
Foi tirada em Madrid ... num cafe em "La Tocha" .... do lado de fora do balcão de atendimento!.
No minimo surreal!
























É só mesmo meio corpo! estão a ver bem!! E colocada em posição que pode ser vista por toda a gente!
Penso que era a proprietária do café!

quando for grande ....

sexta-feira, janeiro 05, 2007 5:10 da tarde

Madrid - 2006

quarta-feira, janeiro 03, 2007 8:54 da tarde

2007 - Show Time

sexta-feira, dezembro 22, 2006 8:00 da tarde

vale a pena

terça-feira, dezembro 19, 2006 12:16 da manhã

"Eu conheço um país que tem uma das mais baixas taxas de mortalidade de recém-nascidos do mundo, melhor que a média da União Europeia. Eu conheço um país onde tem sede uma empresa que é líder mundial de tecnologia de transformadores.

Mas onde outra é líder mundial na produção de feltros para chapéus. Eu conheço um país que tem uma empresa que inventa jogos para telemóveis e os vende para mais de meia centena de mercados.

E que tem também outra empresa que concebeu um sistema através do qual você pode escolher, pelo seu telemóvel, a sala de cinema onde quer ir, o filme que quer ver e a cadeira onde se quer sentar.

Eu conheço um país que inventou um sistema biométrico de pagamentos nas bombas de gasolina e uma bilha de gás muito leve que já ganhou vários prémios internacionais.

E que tem um dos melhores sistemas de Multibanco a nível mundial, onde se fazem operações que não é possível fazer na Alemanha, Inglaterra ou Estados Unidos. Que fez mesmo uma revolução no sistema financeiro e tem as melhores agências bancárias da Europa (três bancos nos cinco primeiros).

Eu conheço um país que está avançadíssimo na investigação da produção de energia através das ondas do mar. E que tem uma empresa que analisa o ADN de plantas e animais e envia os resultados para os clientes de toda a Europa por via informática.

Eu conheço um país que tem um conjunto de empresas que desenvolveram sistemas de gestão inovadores de clientes e de stocks, dirigidos a pequenas e médias empresas.

Eu conheço um país que conta com várias empresas a trabalhar para a NASA ou para outros clientes internacionais com o mesmo grau de exigência. Ou que desenvolveu um sistema muito cómodo de passar nas portagensdas auto-estradas. Ou que vai lançar um medicamento anti-epiléptico no mercado mundial. Ou que é líder mundial na produção de rolhas de cortiça. Ou que produz um vinho que "bateu" em duas provas vários dos melhores vinhos espanhóis.



E que conta já com um núcleo de várias empresas a trabalhar para a Agência Espacial Europeia. Ou que inventou e desenvolveu o melhor sistema mundial de pagamentos de cartões pré-pagos para telemóveis. E que está a construir ou já construiu um conjunto de projectos hoteleiros de excelente qualidade um pouco por todo o mundo.

O leitor, possivelmente, não reconhece neste País aquele em que vive - Portugal.

Mas é verdade. Tudo o que leu acima foi feito por empresas fundadas por portugueses, desenvolvidas por portugueses, dirigidas por portugueses, com sede em Portugal, que funcionam com técnicos e trabalhadores portugueses. Chamam-se, por ordem, Efacec, Fepsa, Ydreams, Mobycomp, GALP, SIBS, BPI, BCP, Totta, BES, CGD, Stab Vida, Altitude Software, Primavera Software, Critical, Software, Out Systems, WeDo, Brisa, Bial, Grupo Amorim, Quinta do Monte d'Oiro, Activespace Technologies, Deimos Engenharia, Lusospace, Skysoft, Space Services. E, obviamente, Portugal Telecom Inovação. Mas também dos grupos Pestana, Vila Galé, Porto Bay, BES Turismo e Amorim Turismo.

E depois há ainda grandes empresas multinacionais instaladas no País, mas dirigidas por portugueses, trabalhando com técnicos portugueses, que há anos e anos obtêm grande sucesso junto das casas mãe, como a Siemens Portugal, Bosch, Vulcano, Alcatel, BP Portugal, McDonalds (que desenvolveu em Portugal um sistema em tempo real que permite saber quantas refeições e de que tipo são vendidas em cada estabelecimento da cadeia norte-americana).



É este o País em que também vivemos.

É este o País de sucesso que convive com o País estatisticamente sempre na cauda da Europa, sempre com péssimos índices na educação, e com problemas na saúde, no ambiente, etc.

Mas nós só falamos do País que está mal. Daquele que não acompanhou o progresso. Do que se atrasou em relação à média europeia.



Está na altura de olharmos para o que de muito bom temos feito. De nos orgulharmos disso. De mostrarmos ao mundo os nossos sucessos - e não invariavelmente o que não corre bem, acompanhado por uma fotografia de uma velhinha vestida e preto, puxando pela arreata um burro que, por sua vez, puxa uma carroça cheia de palha. E ao mostrarmos ao mundo os nossos sucessos, não só futebolísticos, colocamo-nos também na situação de levar muitos outros portugueses a tentarem replicar o que de bom se tem feito.

Porque, na verdade, se os maus exemplos são imitados, porque não hão-de os bons serem também seguidos?"



Nicolau Santos, Director - adjunto do Jornal Expresso

In Revista Exportar

ainda bem que nao copiaram!

sábado, dezembro 16, 2006 2:16 da tarde

windows vista

ou aqui

http://caoepulgas.blogspot.com/2006/12/mac-os-x-versus-windows-vista.html

Teu pai ....

1:34 da manhã

A barriga do padre crescia cada vez mais. Descartada a hipótese de cirrose, os médicos concluíram por uma exploratória, já que não havia razão para aquilo. A cirurgia mostrou que era mera acumulaçãode líquidos e o problema foi sanado. Estudantes resolveram intervir e quando o padre estava a acordar da recuperação pós-cirúrgica colocaram-lhe um bébé nos seus braços.
O padre, espantado, perguntou o que era aquilo e os rapazes disseram que era o que ele tinha na barriga.
Passado o espanto e tomado de ternura, o padre abraçou a criança e não quis mais se separar. Como se tratava de um filho de mãe solteira que morrera durante o parto, os rapazes envidaram todos os esforços para que o padre ficasse com a criança.
Os anos passaram e a criança se transformou num homem que se formou em medicina.
Um dia o padre, já velhinho e sentindo que estava chegando sua hora de partir, chamou o rapaz e disse:
"-Meu filho! Tenho o maior segredo do mundo pra te contar, mas tenho medo que fiques chocado".
O rapaz, que já havia sido intuído do que se tratava, disse compreensivo:

"Já sei. Adivinhei há muito tempo. O senhor vai me dizer que é meu pai".

"Não, sou tua mãe! Teu pai é o bispo de Leiria".

Eu, Carolina

sexta-feira, dezembro 15, 2006 9:35 da manhã

Em rigoroso exclusivo nacional, publicamos um excerto do livro "Eu,
Carolina Salgado" por incúria não incluído na obra agora à venda em todas as
grandes superfícies comerciais. Pelo manifesto interesse público do excerto, e
depois de garantido o consentimento da autora, reproduzimoze-le-o...
reproduzimo-si-o...reproduzimo-li-e-o... enfim, pomo-se-le-o já a seguir.
Arre!

10 de Abril
O Jorge Nuno está inquieto. Os nervos estão à flor da pele e já me
assentou duas lambadas sem motivo aparente. Mas eu sei a causa. O FC Porto vai
receber o Riopele para a Taça de Portugal e, sem caldinhos com os
árbitros, ele desconfia que vai perder. Ofereço-me para mandar espancar o presidente
do Conselho de Arbitragem da Liga. Diz-me que não, que dá muito nas
vistas.
Está a amolecer com a idade. E não me refiro só às capacidades para dirigir
o clube.

11 de Abril
O alternadeiro do talho, aqui no Ameal, disse que não me fia mais nada sem
ver dinheiro. Mandei espancá-lo com um barrote cravejado de parafusos,
claro está. Eu não sou dura. Foi a vida que me fez assim.

14 de Abril
Está-se mesmo a ver: sexta-feira à noite e, em vez de sairmos, sua
excelência quer jantar em casa com árbitros. E os ares sebosos dos tipos?
Um é careca, o outro tem um bigode que me faz lembrar um azeiteiro que
trabalhava no Calor da Noite. Só falam de foras-de-jogo e penalties. E só
comem fruta e doces, os alarves! Há semanas que não se come outra coisa cá
em casa.
Ao menos, não se perdeu tudo. O Jorge Nuno prometeu-me que me levava este
fim de semana ao estrangeiro para ver monumentos e coisas assim. Vai ser tão romântico!

15 de Abril
Grande besta! O fim de semana romântico no estrangeiro, afinal, foi só eu,
ele e... mais 300 Super Dragões em Gelsenkirschen. E a o monumento era o
estádio dos alemães. Nunca fui tão apalpada na minha vida. Esta gente não
sabe que eu sou uma senhora.

17 de Abril
As finanças recusaram a minha declaração de IRS: não me deixam deduzir a
aquisição de um varão Inox nas despesas de "material profissional". Sabem
eles que isto custa os olhos da cara? Ou pior.
Conheço um rapaz que é trolha em Freamunde. Muito jeitoso de mãos.
Pedi-lhe para espancar o chefe do 13.º bairro fiscal do Porto.

18 de Abril
Afinal, era engano. O varão pode ser deduzido no IRS.
Se o chefe do 13.º bairro fiscal ainda tivesse nós dos dedos, poderia ser
ele a fazer a dedução.

19 de Abril
O Jorge Nuno revelou-me hoje que vai voltar para a primeira mulher. De
súbito, a minha memória reavivou. Estou a lembrar-me de tudo.
Tenho provas de que o Jorge Nuno esteve envolvido em todas as trapaças do
século XX, desde a falsificação das notas do Alves dos Reis até ao
atentado falhado contra o Salazar em 1930. E se a TVI me pagar mais, ainda posso
comprovar que foi ele quem trouxe a peste negra e o maestro António Vitorino de Almeida para Portugal. E que o terramoto de 1755 só escavacou Lisboa e arredores porque ele mandou.

oquei tele seguro ... bom dia!

quinta-feira, outubro 12, 2006 12:57 da tarde



(em diário de braga!)
e mais não li .... acho que não valeria a pena! :-)

as vindimas

quarta-feira, outubro 11, 2006 12:16 da tarde

"Eu sei, porque é público, que Bento XVI é apreciador de Vinho do Porto, mas daí a vê-lo nas vindimas vai um enorme passo..."
(in Reflexões de um cão com pulgas...)


má vida ....

segunda-feira, outubro 09, 2006 12:51 da tarde


reservados direitos de autor

ainda sou do tempo ....

sexta-feira, setembro 29, 2006 7:19 da tarde

de volta ....

7:16 da tarde

e em grande!!! Como sempre ! :-)

http://www.ohmibod.com/

Simplesmente ..... ooooooooooohhhhhhhhhhhhhhh!!!!!!!!!!!!! aaaaahhhhhhh!!!!!!!!!

votem! ajudem quem precisa! :-)

quarta-feira, julho 19, 2006 3:51 da tarde

Desenho Mangacurta.com - cork

Pode ser só palpite!!!

sábado, julho 15, 2006 1:36 da tarde

Um homem estava em coma há algum tempo. A sua esposa ficava à cabeceira dele dia e noite.
Até que um dia o homem acorda.
Faz um sinal à mulher para se aproximar e sussurra-lhe:
- Durante todos estes anos estiveste ao meu lado. Quando me licenciei, estavas comigo. Quando a minha empresa faliu, só ficaste tu para me apoiar. Quando perdemos a casa ficaste comigo. E desde que fiquei com todos estes problemas de saúde, nunca me abandonaste. Sabes uma coisa?

Os olhos da mulher encheram-se de lágrimas:

- Diz amor...

- Acho que me dás azar!!!

li algures (II)....

segunda-feira, julho 10, 2006 11:26 da manhã

"Eu pessoalmente acho que viver do entretenimento não é uma profissão
credivel, só por isso não acho legitimo pretenderem auferir
rendimentos dessa actividade, antigamente designavam-se por bobos da
corte e trovadores, porque infelizmente não serviam para mais nada, e
como inuteis que eram sempre serviam para distrair quem realmente era
produtiva para a sociedade.
Antes de existirem os ficheiros digitais, havia a desculpa das
cassetes e afins, se o que ganham não chega par comerem , têm bom
remédio, mudem de vida e dediquem-se a algo produttivo."


e como resposta ... de entre muitas .... destaco esta:

"A ignorância é o maior inimigo do progresso sendo a estupidez o maior aliado do
atraso....no seu caso irrecuperável"

li algures ....

quarta-feira, julho 05, 2006 1:25 da tarde

... aqui:

"Esta noite a minha mulher e eu estávamos sentados na sala falando de alguns aspectos da vida, da morte e da eutanásia... E eu disse-lhe veementemente: "Nunca me deixes em estado vegetativo, dependente de uma máquina e de líquidos de uma garrafa. Se me vires nesse estado, desliga os artefactos que me mantêm vivo!". Ela levantou-se, desligou a TV e tirou-me a cerveja!"

...

terça-feira, julho 04, 2006 12:15 da tarde




























reservados direitos de autor: helder pereira